Press "Enter" to skip to content

Inscrição Jovem Aprendiz – Passo a Passo

O Jovem Aprendiz é um Programa do Governo Federal aprovado no ano 2000, mas regulamentado em 2005. A lei determinada que todas as empresas de médio e grande porte devem ter de 5 a 15% de menor aprendiz em sua staff.

O objetivo é preparar os jovens para o mercado de trabalho, em contrapartida, a empresa que participa do projeto paga apenas 2% de FGTS, é dispensada de aviso prévio remunerado, não precisa pagar a multa rescisória e as que são enquadradas no SIMPLES NACIONAL não tem aumento da contribuição previdenciária.

Como se inscrever no Jovem Aprendiz?

As empresas contratantes é que fazem exigências dos perfis dos menores aprendizes que desejam contratar. Para participar dos processos seletivos, os estudantes devem se cadastrar em instituições como:

  • ESPRO
  • CIEE
  • IEL

As vagas ficam todas disponibilizadas no banco de dados dessas instituições. A boa notícia é que os jovens interessados podem fazer o seu cadastro pela internet.

Essas agências parceiras ainda fornecer alguns cursos de especialização para preparar melhor os jovens.

Sine faz chamamento para cadastro de menor jovem aprendiz - O Livre

Tem como se inscrever como menor aprendiz diretamente nas empresas?

A maioria das empresas cadastram as vagas disponíveis em instituições como CIEE, IEL e outras. No entanto, existem algumas que realizam o seu próprio processo seletivo, a exemplo disso estão:

  • Banco do Brasil – Na sua página, eles disponibilizam todos os pré requisitos e como fazer para ingressar no programa. Clique aqui para conferir!
  • Bradesco – Confira os detalhes e cadastre o currículo de jovem aprendiz clicando aqui!
  • Santander – Todos os detalhes para trabalhar no banco como menor aprendiz. Saiba mais clicando aqui!
  • Itaú – Confira mais detalhes na página específica do banco nesse projeto. Clique aqui!
  • Caixa Econômica Federal – Para ver as especificações do programa desse banco, acesse a página clicando aqui!

É importante lembrar que tanto as empresas como os bancos que realizam sua própria seleção possuem alguns requisitos próprios, claro que dentro do que se pede no Programa, entretanto, eles tem direito de fazer suas exigências.

Por isso, antes de se inscrever, é fundamental avaliar o que cada banco exige dos candidatos e se você atende esses requisitos.

Quais os requisitos para o Jovem Aprendiz?

Para participar desse projeto, é necessário que os jovens tenham os seguintes requisitos:

  • Idade entre 14 e 24 anos ( porém, algumas empresas fazem suas especificações dentro desse parâmetro);
  • Devem estar matriculados em uma unidade de ensino pública cursando o fundamental ou ensino médio;
  • Ser pertencente de família de baixa renda;
  • Jovens que concluíram o ensino médio e estiverem estudando o nível técnico;
  • Nunca ter trabalhado com carteira assinada;
  • Ter disponibilidade para trabalhar;

A jornada de trabalho de um jovem aprendiz não pode ultrapassar a 6 horas, pois é importante que ele alie os estudos com as responsabilidades laborais.

Documentos necessários

Os jovens devem apresentação documentos básicos para se inscrever no processo que são:

  • RG
  • CPF
  • Carteira de trabalho
  • Comprovante de residência
  • Documentos que comprovem a escolaridade, é necessário retirar na Secretaria da escola;
  • Alguns estados ainda exigem uma carta de liberação para trabalhar dos pais;

Quais os benefícios de um Jovem aprendiz?

Os dois principais benefícios sem dúvida nenhuma são a oportunidade de aprendizado e também a chance de entrar em uma empresa que futuramente pode efetivar esse aprendiz.

Inclusive, isso acontece muito. Alguns profissionais começaram como aprendiz e acabam crescendo na empresa.

Entre outros benefícios do jovem aprendiz estão:

  • Salário;
  • Auxílio transporte;
  • Auxílio Refeição;
  • Seguro de vida;
  • Contrato de Trabalho;
  • FGTS;
  • 13º;
  • Férias de acordo com o tempo de trabalho;

Algumas empresas grandes também atuam com Plano de Saúde e Plano Odontológico.

Para conseguir se destacar na entrevista, o jovem aprendiz precisa demonstrar bastante interesse na vaga, pois de fato a concorrência é grande. Além disso, é preciso levar em conta que o interessado não possui um currículo repleto de experiência.

Portanto, a demonstração da vontade de aprender pode ser um diferencial enorme diante dos concorrentes. A maioria dos recrutadores ficam de olho nesse detalhe.

Para conseguir esse destaque, se vista adequadamente, seja educado e demonstre que realmente deseja aprender, pois essa é uma grande chance para você. Boa sorte!